thumbnail_013

– Filho, aparece. Não adianta se esconder. Estou aqui com o seu boletim.

– Não estou me escondendo. Só estou aqui, quieto no meu quarto.

– Bom, eu não estou entendendo o quê está acontecendo. Dez em português e em história. Nove em matemática. E oito em todo o resto.

– Então não estou entendendo a sua cara de velório.

– Porque você tirou zero em educação física e está quase reprovando por falta.

– Não gosto de educação física. Tenho o direito de não gostar.

– Tem o direito de não gostar, mas tem o dever de fazer.

– Não entendo porquê. Não quero fazer educação física e não vou fazer.

– Só me explique o motivo.

– Não tem motivo. Não gosto e pronto.

– É assim? Simples assim?

– É. Simples assim.

– 

– 

– Filho, você tem responsabilidades e deve cumpri-las.

– Não quero cumprir.

– Mas você só tirou notas altas nas outras matérias.

– Porquê as outras matérias são úteis. Educação física não é.

– Lógico que é! Você precisa de uma atividade para não ficar obeso.

– Não são 50 minutos na semana que me deixarão malhado.

– Você está muito atrevido para um menino de 11 anos!

– Se eu sou atrevido é porque você não me educou direito.

– 

– Mãe, precisa chorar?

– Repete o que você falou…

– Falei que se eu sou atrevido e mal educado é porque ninguém me educou.

– Filho?!? Como você pode falar assim comigo?

– Foi você que começou, me chamando de obeso.

– Eu não te chamei de obeso! Como você pode falar isso para mim?

– Isso o quê?

– Que eu não te educo! Minha vida se resume a você! Você é tudo o que eu tenho!

– Não pedi para nascer.

– 

– 

– Filho!

– Quê?!?

– Como você fala isso?

– Isso o que?

– Meu filho, onde está aquele menino carinhoso, o bebê da mamãe?

– Ih, mãe, não xaropa! Você entra aqui me perturbando por causa da educação física…

– Não é por causa da educação física. É porque você vai reprovar por causa da educação física!

– Mãe, eu só tiro 10 em português. Sabe quantos amigos meus tiram 10 em português?

– Não me interessa. Eles não são meus filhos. E com 10 ou sem 10 em português, você vai reprovar em Educação física.

– A culpa é da professora que não gosta de mim.

– Você tem 11 anos! E desde os 7 diz que nenhuma professora de educação física gosta de você!

– Não gosto de educação física e pronto.

– Mas precisava me tratar desse jeito?

– Que jeito?

– Dizendo que eu não te educo.

– Mas se você diz que eu sou mal educado, é porque não me educou.

PS: Semana que vem eu volto com mais um lugar incrível para os amantes de livros! É que eu achei essa crônica no meio dos meus rabiscos, e eu estava com tanta saudade dela que resolvi republicá-la.
PS2: Esta crônica virou uma animação feita por mim, já tem alguns anos. Vou colocar aqui o link para vocês. https://www.youtube.com/watch?v=jULzvSx6rzg