04
Uma história delicada, onde a mulher é frágil, indefesa e até submissa. Um homem forte, poderoso, autoritário que manda e desmanda na jovem. Quem não curte um romance assim? Essa é uma realidade dos nossos romances até então, mencionados como romances contemporâneos, que diga-se de passagem está sendo mudada. Atualmente, estão despontando histórias de mulheres fortes, poderosas e que deixam muitos desses “power man” no chinelo. É o empoderamento feminino ganhando glamour, espaço – mais que merecido – e principalmente, o interesse de seus leitores.

 anastaciasteel

Anastacia Stelle, de 50 tons de cinza

Talvez pelo desejo de, não mais provar, e sim conquistar o público feminino que até então curtia um bom romance cor-de-rosa, essa característica própria de escrita, vem para mostrar que mulheres empoderadas dão sim uma bela história de amor!
Como não se apaixonar por leituras que contam o quanto suas personagens, femininas e poderosas, não precisam chorar baixinho ou abaixar a cabeça. Elas vieram para estrondar. Para mudar conceitos e definir opiniões. O x da questão traz hoje esse tema moderno e apaixonante que é o empoderamento feminino.

pecame
Bom, eu amo romance cor-de-rosa, mas tenho que reconhecer o quanto essas histórias estão me fascinando.
E você? Curte um romance assim? Deixe sua opinião. Vamos adorar saber. Beijo, e até a próxima semana!

rebecca Rebecca Cruz é autora do livro “Sob seu domínio”. @Rebbeca Cruz